Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]



Uglies- Imperfeitos (Uglies #1) by Scott Westerfeld

por Starlight, em 09.06.13

 

 

Editora: Vogais & Companhia

ISBN:9789896680138

Ano de Lançamento Portugal:2010 

Páginas:325

Classificação: ★★★★ (4/5)

Goodreads


Junho 2013



Sinopse:

" Num mundo de extrema beleza, a normalidade é sinónimo de imperfeição.


Num futuro não tão distante quanto isso, não há guerras, nem fome, nem pobreza. O mundo é perfeito. Todos são perfeitos. Pelo menos, depois de completarem 16 anos. Qualquer umpode ter a aparência de um supermodelo... E que mal haveria nisso?

Tally Youngblood mal pode esperar pelo seu décimo sexto aniversário, altura em que será submetida à cirurgia radical que a transformará de uma mera imperfeita para uma deslumbrante perfeita. Uns lábios bem delineados, um nariz proporcional, um corpo ideal... É tudo o que sempre quis. Já para não falar de uma vida de diversão num paraíso de alta tecnologia espera por si.


Mas quando a sua melhor amiga decide virar as costas a esta vida perfeita e foge, Tally descobre um lado inteiramente novo do mundo dos perfeitos - e que, por sinal, nada tem de perfeito. É então forçada a fazer a pior escolha possível: Encontrar a amiga e traí-la ou perder para sempre a possibilidade de se tornar perfeita.

Seja qual for a sua decisão, a sua vida nunca mais será a mesma."


Opinião:


A temática deste livros desde cedo que despertou a minha atenção e conseguimos fazer uma ponte com a nossa actualidade em que os padrões de beleza fisica são extremamente importantes para a maioria das pessoas.

É uma leitura leve sem grandes floreados, o que seria de esperar num livro mais virado para o público juvenil. 

 

Tally é uma jovem que espera ansiosamente pelo dia do seu 16º aniversário, pois nesse dia iniciará o processo para se tornar Perfeita, ou seja, será submetida a várias cirurgias que lhe alterarão a sua imagem, tornando-a perfeita segundo os padrões da sociedade cientifica. Olhos grandes e irresistíveis, lábios carnudos, rosto de proporções simétricas e perfeitas, corpo moldado até ser encontrado um equilíbrio perfeito, onde até o esqueleto pode ser "esticado" para lhes dar a estatura ideal e a pele é arrancada e substituida por outra mais clara e sem falhas.

Nesse dia deixam de ser Imperfeitos e passam a Recém Perfeitos, mudando-se da "Imperfelândia" para a Cidade dos Recém-Perfeitos onde as únicas regras são "divirtam-se à grande e não pensem demasiado".

 

Peris, o melhor amigo de Tally já é um Recém-Perfeito há 2 messes e Tally mal pode esperar por se juntar a ele.

Entretanto conhece a rebelde Shay e tornam-se as melhores amigas. Shay ensina-a a andar de aeroprancha e convence-a a ir explorar as ruinas da cidade dos Ferrugentos.

 

Ora bem, os Ferrugentos, básicamente somos nós! Ou seja, somos os antepassados daquela civilização. Básicamente fomos extintos quando as coisas nos escaparam ao controlo e quase destruímos os recursos naturais do planeta e lutávamos em guerras sem sentido. Neste novo mundo, tudo é controlado até ao mais pequeno pormenor. É para isso que serve a cirurgia. Se todos forem igualmente perfeitos e tiverem a mesma forma de pensar e ver o mundo, acabam-se as invejas, os ciumes, as revoltas, ou seja, todos andam contentes e não levantam ondas.

 

Shay não quer ser operada e põe em causa o comportamento dos Perfeitos. É então que fala a Tally numa escapatório, O Fumo, onde os Imperfeitos permanecem imperfeitos para o resto das suas vidas, vivendo numa sociedade em que mantêm a sua identidade. Mas Tally continua a querer ser perfeita e não a leva a sério, recusando-se a acompanhá-la quando esta foge em busca do lendário Fumo. Com a esperança de que Tally possa mudar de ideias, Shay deixa-lhe algumas indicações em como lá chegar.

 

Tally fica confusa, mas acaba por escolher a operação, pois não consegue tolerar a ideia de ficar Imperfeita para sempre. No entanto as coisas não correm como esperado e, no dia do seu aniversário, Tally é levada para o centro das Circunstâncias Especiais onde lhe fazem um ultimato. Ou Tally parte em busca de Shay e do Fumo e quebra a promessa que fizera à amiga em que nunca revelaria a ninguém como chegar até ao Fumo ou então ficará Imperfeita e excluida para o resto da vida.

 

É então, a partir daqui que a história se vai desenvolver. Achei que o livro espalhava bem a mensagem que pretende transmitir. É realmente uma leitura muito leve e que nos faz pensar para onde caminhará a nossa sociedade. É o tipo de livro perfeito para ler no intervalo de séries mais pesadas e complexas, para arejar as ideias.

 

 

 





publicado às 11:35



Mais sobre mim

foto do autor


Pesquisar

  Pesquisar no Blog

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.


Arquivo

  1. 2014
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2013
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2012
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2011
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2010
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2009
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D